Energia solar fotovoltaica
01/07/2018

Como grande grupo económico nacional, o Grupo Lusiaves tem responsabilidade acrescida de contribuir para a prevenção e minimização dos impactos ambientais associados à sua atividade, minimizando as suas emissões para a atmosfera.

 

Neste sentido, desde há cinco anos que o Grupo detém instalações para produção de energia elétrica através da energia solar. Esta fonte de energia, considerada limpa, permitiu produzir 7.291.754 kWh de energia elétrica limpa.

Nos últimos cinco anos a produção de energia elétrica fotovoltaica cresceu gradualmente, sendo que atualmente, o Grupo detém 48 unidades de miniprodução, com uma potência instalada de 5.890,41 kW.

 

A energia solar é considerada uma energia limpa, produzida através da luz solar, na qual não ocorre a produção de resíduos ou a libertação de gases com efeito de estufa, ao contrário da energia que utiliza fontes não renováveis, como gás natural ou carvão. Durante estes últimos cinco anos, o Grupo ao utilizar esta tecnologia, conseguiu reduzir as emissões de CO₂ libertados para a atmosfera em aproximadamente 4400 ton, dando assim um contributo significativo na prevenção do aquecimento global.

 

O aquecimento global tem como consequência as mudanças climáticas, e é considerado um dos principais problemas ambientais globais da atualidade, que compromete o equilíbrio dos ecossistemas. Um dos principais efeitos é o degelo das calotas polares. Estudos recentes publicados na revista Nature revelam que, entre 2012 e 2017, a Antártida perdeu 219 biliões de toneladas de gelo por ano, o que representa um degelo três vezes mais rápido do que o registado nas duas décadas anteriores, quando o fenómeno ocorria de forma estável (76 biliões de toneladas anuais). Esta perda de gelo contribui para a elevação média anual de 0.6 mm no nível dos oceanos.

 

A produção e o consumo de energia proveniente de fontes limpas são assim de extrema importância para a produção do meio ambiente e da manutenção da qualidade de vida das pessoas. Como não geram gases de efeito de estufa, não favorecem o aquecimento global do planeta. Por outro lado, como não há queima de combustíveis fósseis, não há geração de gases poluentes ou resíduos sólidos que possam prejudicar a saúde das pessoas.

 

A energia limpa é um importante fator para se garantir o desenvolvimento sustentável do planeta.

 
 
© Copyright Lusiaves 2018 | Política de Privacidade e Segurança | adicionar aos favoritos | Ficha técnica